29 de dez de 2010

A agenda.



Uma garrafinha de água, um livro de calorias, um computador na minha frente e duas agendas. A de dois mil e nove, e a de dois mil e dez. Resolvi ver o que havia nelas, admito, levei um susto. Quem um dia teve seu nome escrito à caneta azul, na primeira página do ano, de dois mil e nove, hoje, tem seu nome escrito a caneta vermelha, em uma data sem importância no ano de dois mil e dez em baixo do seu nome, havia um lembrete. É ele havia me ligado, sim, você me ligou e eu anotei. No dia ao lado, havia um texto sobre mudanças. Seria previsto? Não sei. São coisas do tempo, coisas minhas, coisas da vida. Ocupam o seu lugar em tudo, mas tento segurar, mas a vida consegue ser mais forte que eu. Eu tento segurar cada lembrança sua na minha memória, mas é totalmente em vão. Existem pessoas que sim, estão conseguindo desviar minha atenção. Consigo pensar muito pouco em você. Na verdade, mal consigo continuar a pensar você. Acabo me sentindo um lixo, um objeto, uma boneca sem graça.  E perceber que novas oportunidades não são tão mal assim. Não pode ser tão difícil assim, muitas pessoas conseguem, por que eu não posso conseguir? Eu sei, sou frágil, mas não tenho tanto medo assim da vida. Sou frágil, mas consigo lidar com os meus sonhos e até mesmo com o destino. Seu nome foi escrito não só com caneta azul ou vermelha, mas foi escrito também em canetas com glitters, para que pudesse brilhar feito as estrelas que eu via toda noite. Se quiser, escrevo seu nome em todas as folhas da agenda desse novo ano que está chegando. Assim, você volta. Assim, você chega, de preferência inteiro. Mas não quero mais suportar algo que não tenha forças para ir atrás. Não quero mais conseguir suportar isso. Tem jeito? Não. Simples, prático, direto.
Seja como for, as coisas mudam, e eu vou junto. Você não me impediu, e acho que está ficando tarde demais. E de novo, assino seu nome na minha agenda, mas agora, escrevo em caneta preta no dia vinte e nove de dezembro, na agenda de dois mil e dez. A grande desilusão do ano.

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Layout: Bia Rodrigues | Tecnologia do Blogger | All Rights Reserved ©