22 de nov de 2010

Amor?



- Amor?
- O que?
- É, o amor.
- O que tem o amor?
- Machuca. Ilude. Acaba com a Vida!
- Então, ele é algo com a morte?
- Sim. Amor e Morte. Morte e Amor.
- Não diga.
- Sim. Eu falo. Amor é uma porra
- Amor é bom .
- Amor é bom quando ele te ama. Amor é bom quando ele é seu. Amor é bom quando não há mais ninguém.
- Amor é bom sim.
- Deixa.
- Deixar quem?
- O Amor
- O Amor?
- Sim.
- Você me ama?
- Não
- Não?
- É, mas já te amei muito.
- Amou?
- Sim.
- E por que você não ama mais?
- Por que sim.
- Por que sim não tem resposta para isso.
- Tem sim.
- Não. Eu te amo.
- Tarde demais
- Para o amor nunca é tarde.
- Não existe amor.
- Por que você diz isso?
- Porque você me fez acreditar nisso, e hoje, nada mais importa.
- Mesmo?
- Sim. Hoje já fazem dezenove. E não houve resposta. Então, amor não existe.
- Existe, te digo isso.
- Você mente. Você é cruel. Você me fez sofrer.
- Mas eu te amo agora.
- Eu queria seu amor antes. Agora, não me importo. Um beijo. E me dá licença, quero passar...

E assim... passou...

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Layout: Bia Rodrigues | Tecnologia do Blogger | All Rights Reserved ©